Connexion
Início

Seja bem-vindo ao site da Revista Santé mentale au Québec

Em 1976, o Centro de Saúde Mental Comunitário do Hospital Saint-Luc organiza o primeiro colóquio de psiquiatria do setor. Durante as deliberações, os participantes manifestam a necessidade da criação de um órgão de difusão das experiências em curso no campo da saúde mental. Com a ajuda do pequeno excedente deste colóquio, e de uma contribuição financeira de profissionais, o Centro de Saúde Mental Comunitário edita o primeiro número da revista Santé mentale au Québec em setembro de 1976 com o duplo desejo de difundir as experiências e as pesquisas em curso no campo da saúde mental, e de facilitar as trocas entre os diversos intervenientes da área da saúde mental. Para demonstrar a vontade de inovar que vai impulsionar a revista Santé mentale au Québec, os fundadores dão à revista o subtítulo de “Em direção a uma nova prática”.

Com o desejo de que a Santé mentale au Québec seja multidisciplinar, os fundadores ressaltam que esta vontade de inovar passa pelas trocas entre os profissionais e os pesquisadores que trabalham no campo da saúde mental. Sem excluir nenhuma orientação, a revista Santé mentale au Québec privilegia uma abordagem social da loucura, associada a uma abordagem clínica que permite compreender o homem em seu meio. E, para ilustrar o humanismo subjacente à Santé mentale au Québec, os fundadores convidaram um artista, Louis-Pierre Bougie, para ilustrar a capa.

Inicialmente centrada nos trabalhos dos intervenientes do Centro de Saúde Mental Comunitário, Santé mentale au Québec alarga, em seguida, sua base de colaboradores que chegam atualmente a mais de 2.000. Estes colaboradores representam todas as profissões que se interessam à saúde mental, sem esquecer os voluntários e mesmo os usuários, que vêm na revista uma voz acolhedora da expressão de suas experiências. Além dos colaboradores quebequenses e canadenses, a revista recruta colaboradores vindos de vários outros países a fim de concretizar sua abertura ao nível internacional. Assim, os colaboradores provêm de mais de quarenta países. As colaborações são, assim, institucionais, já que a revista Santé mentale au Québec publica em conjunto algumas edições com outras revistas européias.

Santé mentale au Québec possui um estatuto de revista científica que funciona com um comitê de leitura externo e um comitê de redação. O comitê de redação é multidisciplinar e representa o meio da prática e da pesquisa em saúde mental. Santé mentale au Québec é indexada em diferentes repertórios científicos, entre outros o Medline. Ela recebe subvenções de diferentes organismos com base em avaliações feitas pelos comitês de pares durante concursos públicos. A fim de difundir ainda mais o trabalho dos colaboradores, Santé mentale au Québec fornece um resumo de cada artigo em quatro línguas: francês, inglês, espanhol e português, as quatro línguas das Américas. Da mesma forma que em seu site. Graças a uma colaboração interuniversitária, Santé mentale au Québec oferece aos leitores a possibilidade de consultar os artigos anteriores nos dois seguintes sites:
http://www.teluq.uquebec.ca/smq/
http://www.erudit.org/revue/smq/.
Com exceção dos artigos dos três últimos anos, todos os outros podem ser consultados integral e gratuitamente. Santé mentale au Québec está disponível em formato impresso, ou eletrônico. Para conhecer os preços, consulte a seção Assinatura.

Santé mentale au Québec continuou fiel a seus objetivos iniciais durante toda a sua existência: atender às necessidades de aperfeiçoamento dos profissionais da saúde mental, e de formação dos estudantes colegiais e universitários em várias disciplinas implicadas neste campo de atividades (psiquiatria, psicologia, trabalho social, enfermagem, ergoterapia, etc.), e aproximar o meio da pesquisa e da prática para melhorar a qualidade das intervenções em saúde mental. Ao adaptar-se às preocupações das diversas épocas, ela reuniu todos os intervenientes em saúde mental ao redor de temas mobilizadores, refletiu suas preocupações e suas conceitualizações. Santé mentale au Québec conseguiu ser o espelho do desenvolvimento da saúde mental no Quebec. O mérito é devido aos seus colaboradores e a seus leitores. Santé mentale au Québec recebe uma ajuda financeira sob forma de subvenções dos seguintes organismos: Ministério da Saúde e dos Serviços Sociais do Quebec e do Conselho de Pesquisas em Ciências Humanas do Canadá. A revista Santé mentale au Québec os agradece pelo apoio.